Puffs de pneu

Já fizemos um post sobre assentos que uniram o design ao reaproveitamento de pneus, mas desde então a gente vem resistindo em fazer outro post sobre pneus pelo simples fato de não existir muitas coisas que a gente considera esteticamente agradáveis feitas com pneus reaproveitados. É claro que estética não é tudo, mas quando se trata de competir com o consumo de novos produtos, ela se torna muito importante.

Uma forma de se reaproveitar pneus, com um resultado surpreendente, é na criação de puffs. O formato e a característica física do pneu são perfeitos para criar um assento bonito e confortável.

Separei aqui alguns exemplos de belos puffs criados a partir de um pneu velho e sem uso, que estaria em algum aterro se não fosse a criatividade de algumas pessoas.

Uma das escolhas para se customizar um pneu é esconder sua superfície com outro material, como a corda sisal. É trabalhoso e exige paciência, mas o resultado é excelente!

puff de pneu1

puff de pneu2

Aqui, o sisal foi colado de forma a criar um desenho!

puff de pneu3

puff de pneu4

Para tornar a peça mais confortável, pode-se agregar uma almofada à peça.

puff de pneu5

Outra maneira de cobrir o pneu é com tecido.

puff de pneu6

Pode-se até fazer um puff capitonê! Chiquérrimo!

puff de pneu7

Usando tiras de lycra tensionada para revestir o pneu, você não precisa fazer uma base de madeira para cobrir o buraco do pneu (se o tecido for resistente o suficiente).

puff de pneu8

Pra quem tem habilidade para tricotar dá pra fazer um puff bem confortável e quentinho!

puff de pneu9

Na busca por puffs, encontrei essa feito pelo The Retyment Plan, que além de usar pneus descartados, usa cordas feitas com resíduos de embalagens plásticas! Os desenhos, cores e padrões tornam cada peça única.



Fica a dica também para empresa de móveis: reutilize pneus!

Imagens: The Tab-bit Ecletic | That Was A What? | Courtney Romines’s Pinterest | The Owner Builder Network | The Instructables | This Charming Home | Vila Mulher | DIY And Crafts| The Retyrement Plan.

Comments

comments

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *